Conheça quem foi o primeiro alemão a morar neste bairro de São Paulo.

alemão

Foto Meramente Ilustrativa

Olá Pessoal,

Hoje escrevi um artigo sobre o primeiro alemão que veio morar na Vila Mariana, por volta do ano de 1903. Para tanto, utilizei como fonte o livro : A história dos bairros de São Paulo , o bairro de Vila Mariana, do autor Pedro Domingos Masarolo.

Antes de mencionar sobre este morador, gostaria de dividir com vocês algumas curiosidades abordadas pelo autor.

Masarolo cita que no mapa de 1897, havia uma lagoa nos fundos da Rua Pelotas, cujo antigos moradores diziam que ali havia sido o sítio de uma senhora conhecida como Dona Virginia. Este sítio, tocado por escravos, eram cultivados cana de açúcar e cereais. Nele, também passava um córrego, que nascia na Rua Domingos de Morais, atravessava a Rua do Curtume (acredito que essa rua era próximo ao Matadouro Municipal, hoje, atual Cinemateca) e juntava-se ao Córrego do Sapateiro, localizado no Ibirapuera.

O autor narra que os moradores mais antigos da Rua Pelotas, relataram que nos fundos do sitio de Dona Virginia, mais precisamente, nos lotes que faziam divisa com o córrego, foram encontradas diversas ossadas humanas enterradas em covas rasas. Concluiu-se que se tratava de um cemitério dos moradores do sítio e também dos escravos.

Foto meramente ilustrativa

Posteriormente, o autor ressalta que as terras da Dona Virginia foram adquiridas pelos irmãos Vaz e depois pelo Sr José Antônio Coelho. Inclusive, temos uma rua no bairro que leva este nome.

Por volta do ano de 1903, Masarolo afirma que muitos alemães já estavam morando no bairro. Entretanto, enfatizou que o primeiro alemão a residir na Vila Mariana, chamava-se Vicente Sommer. Este alemão, antes de morar na região, fixou residência no Estado de Santa Catarina, porém, não se adaptou as condições e transferiu-se junto com toda a sua família para São Paulo, na rua José Antônio Coelho.

Alemães chegando a São Paulo.
Fonte: Site DW Made for Minds

Como muitos compatriotas alemães estavam residindo na Vila Mariana, foram fundados clubes de jogos, sendo que o boliche era o mais popular.

A primeira escola alemã foi inaugurada em 1903, pelo Sr Theodor Hennies e instalada na Rua José Antônio Coelho. Entretanto, na década de 40, ocorrem mudanças neste estabelecimento. A antiga escola alemã passa a se chamar de Colegio Benjamirn Constant, com nova sede na Rua Eça de Queiroz.

Os alemães que se instalaram no bairro, costumavam  trabalhar nas chácaras da Vila, ou como operários no centro e nas redondeza da Cervejaria Guanabara.

 Espero que tenham gostado

Até a próxima

Beijocas apertadas

Dani

Fonte:

Site : Site DW Made for Minds. Disponível em: https://www.dw.com/pt-br/s%C3%A3o-paulo-celebra-180-anos-da-imigra%C3%A7%C3%A3o-alem%C3%A3/a-4411676

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *